É tempo de agir. É necessário pensar. É HORA DE DESABAFAR !


Por motivos de ordem pessoal, não estarei postando no blog até aproximadamente 15/12.

;S



Escrito por Rafael às 22h11
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


"É ASSIM QUE EU PENSO... E PORQUE PENSO ASSIM, NA CONDIÇÃO DE MAGISTRADO, DIGO!"

Finalmente, o que o Judiciário está discutindo?



Escrito por Rafael às 14h41
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


A CULPA É DA PREFEITURA!

6h da manhã - Rua da Saudade - Boa Vista - Recife - PE

 

Não bastasse o trânsito caótico, a falta de planejamento em vários âmbitos da nossa cidade, no que se refere a saneamento, habitação (...), temos que conviver, ou ao menos TENTAR viver em meio ao LIXO. Cada dia mais me impressiono com a sujeira da cidade do Recife. Incrivelmente, às 6h da manhã o parque 13 de maio é tomado pelas garrafas pet e sacolas plásticas. As ruas contém as fezes dos cães. Mas calma, a culpa é da prefeitura!

É mais fácil colocar a culpa na prefeitura, não?  É culpa da prefeitura não colocar lixeiros suficientes nas ruas. É culpa da prefeitura não contratar milhares de garis para limpar toda essa sujeira. Só não é culpa do cidadão. NÃAAO, QUE É ISSO? Somos vítimas! ¬¬´

É espantoso ver a reação das pessoas ao encontrar a cidade nesta situação. A cidade fede. Fede a ignorância, fede a hipocrisia, fede a falta de educação e respeito. E fede a esgoto também, claro. Em relação ao esgoto, a culpa é da COMPESA por não efetuar a manutenção, e não do cidadão por entupir os córregos!

 

Enfim, a culpa é da prefeitura por não educar os jovens a serem cidadãos, e não dos pais por perderem o total controle da educação. Vamos protestar contra a prefeitura, pois somente ela é a errada, e todos nós, recifenses, somos corretos!  

Explicado está o fato de, no último concurso para garis de SP, estarem inscritos mais de 16 doutores e 150 mestres! Eles estão vendo a situação das cidades e saíram em busca da limpeza, limpeza intelectual!! (Útópica seria essa hipótese).

 

 

QUEM CHORA É FELIZ E NÃO SABE!! (Essa é a típica frase que mostra nossa inversão atual) Chore, mas antes de chorar, faça alguma coisa! Afinal, "Pensar apenas, ou desejar somente, nunca levou ninguém a lugar nenhum. É necessário também a ação". W. Shakespeare

 

 

 



Escrito por Rafael às 00h09
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


"ainda no caso Uniban..."



Escrito por Rafael às 23h16
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Estamos mesmo evoluindo?

 

Eu, particularmente, passei a semana inteira ouvindo tanto nas ruas, como na faculdade e trabalho, pessoas gozarem da RÉ da UNIBAN. Sim, aquela que estão gozando e injuriando nada mais é que uma ré, vítima da hipocrisia social, vítima da falta de preparo de uma instituição de ensino, vítima de diversos outros fatores sociais e morais que mais a frente citarei.

Ao escutar, sem muita atenção, o Jornal Hoje falar sobre o episódio na UNIBAN, ouvi sem atenção um vizinho dizer: Ela teve o que mereceu!. Ele falou com tanta euforia que corri para perto da televisão para tentar acompanhar a notícia, mas era tarde demais. Enfim, li o caso no R7.com e tentei encontrar no youtube o vídeo que mostra o fato. Para minha surpresa, o título é A PUTA DA UNIBAN.

Garanto que quem postou aquele vídeo na Internet não conhece sequer o nome de Geisy Arruda. Rotularam-na simplesmente pelo tamanho do vestido. Negam até o fim ser o vestido utilizado por Geisy adequado. Quem nega, todavia, admira seu corpo e de fato acha bonito. Essa hipocrisia nos faz pensar em como eram os uniformes nas escolas de freiras, décadas atrás. Hoje escuto: "as freiras eram extremamente conservadoras. Ainda bem que estamos no século XXI  e não há mais aquele estilo de uniforme". Bem, com o fato ocorrido, aqueles uniformes ditos arcaicos eram de fato os mais apropriados não somente para aqueles alunos da UNIBAN, mas para todos os jovens brasileiros.

Geisy se tornou a ré, em um ato imoral e ilegal. Foi expulsa da Universidade pelo absurdo argumento de "defesa do ambiente escolar". Significa dizer, então, na verdade, ser o estuprador vítima da "autora", aquela que usou um vestido curto e que não deu condições de "defesa" ao estímulo do reu, o estuprador (termo entigo, não existe mais o estupro, e sim somente atentado violento ao pudor).

Somos reféns de nós mesmos. Somos reféns dos nossos desesperos.

 

O "caso Uniban", assim chamado pela mídia, gerou outra discussão:

Nossas Universidades estão em condições plenas de funcionamento? Além da qualidade do ensino técnico, valores éticos e lições de vida também são atribuições delas. A Uniban, 4ª maior Universidade em número de alunos do Brasil, não conseguiu controlar seus próprios alunos e precisou do auxílio da Polícia Militar para retirar a “causadora” do mal, a criminosa, a incoerente, a GAROTA DO VESTIDO! Ora, francamente!

A discussão acerca da qualidade das Universidades brasileiras será assunto posterior.

 

Enfim, somente para salientar: o machismo não é um mal que ataca as mulheres, mas um mal que ataca toda a sociedade.

 

 

 

Enfim, Geisy:

"A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria, use a roupa que quiser  e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos". (adaptado) Chaplin

 

 

 



Escrito por rafael.jfg às 17h06
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Estamos replemos de informações. A internet, especificamente, é o maior canal para encontrá-las. Todavia, CANSAMOS de ao abrir a página inicial de um famoso jornal, lidarmos com 80% da notícia  fútil, parcial ou direcionada a algum fim publicitário.
CHEGA!
Aqui podemos falar sobre tudo, tudo mesmo, sem receio... Informações, textos, comentários de todos os tipos.

 

Futilidades que não são fúteis são permitidas, entendeu?

Se não entendeu, basta ler o seguinte:
"Eu não creio nas bruxas, mas sei que elas existem".
Enfim, essa é a HORA DO DESABAFO!



Escrito por rafael.jfg às 16h22
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
Histórico


Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 PROVOCAÇÃO X
 TAMBÉM QUERO FALAR!
 Le Monde Diplomatique
 CultucandOO
 ACERTO DE CONTAS